Artigo do blog

Conheça 28 efeitos negativos da meditação

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Receba atualizações grátis no seu email

Junte-se aos buscadores de si e receba atualizações, artigos, dicas e vídeos sobre autoconhecimento, inteligência emocional e expansão da consciência.

É comum falarmos dos benefícios da meditação, nesse guia completo da meditação você pode conhecer tais benefícios. Mas poucos sabem que meditar pode trazer alguns efeitos negativos também. Afinal, trata-se de um processo intenso.

Neste artigo, você verá 28 efeitos negativos da meditação, que podem acontecer no corpo, na mente e nas emoções, durante e após uma meditação, que não são tão agradáveis assim.

É importante lembrar que o objetivo deste texto é alertar sobre as possíveis reações adversas da meditação e que elas não vão necessariamente acontecer com você.

Jornada do autoconhecimento emocional

Reações físicas à meditação

Pode não parecer, mas a meditação é um processo físico! Parece que o corpo fica parado e nada acontece, mas quando meditamos, alteramos o nosso organismo através da respiração e oxigenação do sangue.

Isso é responsável por muitos dos benefícios da meditação, mas pode causar também algumas reações negativas.

Abaixo, listamos os efeitos negativos físicos mais comuns da meditação:

1. Sensação de peso no corpo

Uma das reações adversas da meditação mais comuns é sentir o corpo pesado. Isso pode ocorrer por conta de duas coisas:

  1. Normalmente, não prestamos atenção ao nosso corpo e ao estado físico de forma geral. Então, quando nos acalmamos e levamos a atenção ao corpo, começamos a notar as tensões e cansaço físico acumulado que já estavam presentes antes mesmo do processo meditativo.
  2. Pode acontecer também de o corpo ficar tenso durante a meditação. É o corpo expressando uma resistência ao entrar em contato com uma questão emocional que não queremos lidar.

Então, quando vem essa sensação de peso no corpo, é importante perceber se você já estava cansado anteriormente ou se foi uma reação à meditação.

2. Dor de cabeça

Como a meditação trabalha diretamente com o sistema nervoso central, ela gera uma atividade cerebral mais intensa. Assim, dependendo do seu estado antes de meditar, o processo pode causar dor de cabeça.

Por isso, é importante sempre perceber o seu estado geral antes de meditar! Se você não se alimentou bem ou não bebeu água suficiente durante o dia, fica mais propenso a sentir dores de cabeça.

Ainda, no caso da meditação terapêutica, que é a técnica que utilizo nos meus atendimentos, memórias são ativadas e isso pode aumentar as chances de enxaqueca.

3. Sensibilidade auditiva

A meditação amplia a nossa percepção de forma geral e ficamos naturalmente com todos os sentidos mais aguçados. Isso pode provocar uma irritabilidade com barulhos a sua volta, que antes não eram percebidos.

Você pode começar a perceber e se irritar com barulhos mais improváveis: motor da geladeira, carros passando, barulho do relógio parede, música mais alta. Tudo pode começar a incomodar muito, tanto durante quanto após a meditação.

Outro fenômeno auditivo comum de acontecer é sentir um zunido no ouvido. Algo bem pontual, agudo e de curta duração. Se você tem essa sensação com frequência, é recomendado procurar um oftalmologista.

4. Sensações estranhas no corpo

Durante a meditação, a sensibilidade é ampliada também para o nosso corpo.

Entre as sensações que podem acontecer, estão: alterações de temperatura em uma parte específica do corpo, sensação de uma parte do corpo estar maior ou menor, sensação de estar girando e sensação de picada, de agulha e dormência.

Todas essas sensações são bem comuns! Elas nada mais são do que uma percepção mais aguçada do seu campo energético.

5. Sensações visuais

Quando entramos em um processo energético mais intenso, como a meditação, é comum ver luzes com olhos abertos ou fechados

Se você meditar e colocar o foco dos seus olhos no terceiro olho, essas sensações se intensificam.

6. Enjoos e vômitos

Outro efeito negativo comum da meditação é ter uma sensação de enjoo e até mesmo a vontade de vomitar.

Isso pode acontecer por você já estar com um leve mal-estar ao começar a meditar e, por colocar a atenção no aqui e agora e no corpo, a sensação fica mais evidente.

Porém, a náusea é mais comum de acontecer por conta do corpo estar em um processo de limpeza. 

Quando algo não está bem dentro da gente, a tendência natural do corpo é colocar para fora, seja através do suor, vômito, diarreia ou urina.

Então, ao entrar em contato com algo que já não deve estar dentro de você e que precisa ser liberado, como mágoas e ressentimentos, essas reações podem acontecer!

A vontade de vomitar pode ficar apenas no campo das sensações ou até mesmo chegar a uma liberação física. De qualquer forma, nos dois casos a limpeza é realizada.

Apesar de bastante incômodo, trata-se de um processo necessário e que traz leveza após acontecer. Porém, caso você sinta muito mal-estar após a meditação e por tempo prolongado, é importante buscar ajuda de um(a) profissional.

7. Desejo sexual acentuado

A meditação trabalha nosso campo energético, movimentando a energia. Esse movimento pode ativar a energia sexual, trazendo à tona fantasias sexuais e desejos que estavam reprimidos.

8. Insônia

Outro efeito colateral que pode acontecer é sentir dificuldade de dormir após uma meditação. Isso acontece quando movemos muito a energia e conteúdos mais intensos vêm à tona, deixando a mente alerta.

Para entender melhor a insônia e seu significado, leia o texto o que é insônia e seu significado biológico e sistêmico aqui no site.

Porém, o mais comum é o oposto da insônia! Após meditar, a maioria das pessoas têm uma noite de sono profundo e restaurador.

cursos

Efeitos negativos psicológicos da meditação

O objetivo de todas as técnicas de meditação é promover acesso ao seu universo interior. Aqui, entramos em um aspecto mais profundo de reconhecimento do nosso campo mental e emocional. 

Por entrar em contato com aspectos da sua vida e personalidade que estavam escondidos, passamos pelo chamado despertar, que pode ser um processo doloroso.

Assim, algumas das reações adversas listadas abaixo são bem delicadas. Por isso, caso você passe de uma maneira mais intensa por eles, é recomendado um auxílio terapêutico.

Caso você sinta necessidade, entre em contato comigo para agendar um atendimento com a holoh terapia.

Lembrando mais uma vez que esses são um apanhado geral dos efeitos colaterais da meditação. Não quer dizer que eles vão acontecer com você!

9. Mente agitada

Por movimentar muito a energia mental, durante e após a meditação você pode experimentar uma agitação mental, como uma enxurrada de pensamentos confusos.

O ideal, que acontece até com mais frequência, é que a meditação acalme nossa mente, trazendo uma clareza dos pensamentos.

10. Aumento da sensibilidade emocional

Costumamos segurar as nossas emoções, por medo de demonstrar os sentimentos e de se mostrar vulnerável. 

A meditação quebra esse escudo protetor, deixando as emoções emergirem e se expressarem. Assim, um dos efeitos da meditação é o aumento da sensibilidade emocional, podendo até causar choro durante o processo.

Algumas pessoas acham essa experiência desagradável, mas na verdade é muito bom quando permitimos o choro vir, durante e após a meditação.

11. Sentimentos ruins vindo à tona

Esse tópico é uma consequência do anterior. Justamente porque você começou a olhar para dentro, sentimentos que são considerados ruins podem aparecer.

Medo, raiva, inveja, frustração… Apesar de serem considerados sentimentos inadequados e “feios”, eles são sentimentos importantes.

É extremamente aliviante deixar essas emoções virem à tona e reconhecer a presença delas. Elas têm funções vitais e estão presentes sempre por um motivo maior.

Por isso, é fundamental aprofundar para entender o que estas emoções estão protegendo!

12. Memórias ruins vindo à tona

Junto com os sentimentos mais desafiantes, memórias que estavam escondidas também podem vir à tona.

Meditar é como entrar no seu porão mental e emocional, onde muitas coisas estão guardadas e muitas outras estão escondidas.

Coisas que você esqueceu ou que achou que tinha superado, como traumas, bullying, momentos de violência e vergonha, podem voltar e nos deixar confusos.

Quando não trabalhamos os traumas e questões mais profundas, elas reverberam em nossas vidas como dificuldade em relações interpessoais, dificuldade em se encontrar no mundo, entre vários outros problemas.

São memórias difíceis de lidar, mas encarar elas é um processo fundamental para liberação, desbloqueio e compreensão de várias questões na nossa vida. 

13. Sonhos intensos

A meditação também reflete em nossos sonhos. Durante a noite, é possível que você reviva cenas de sua vida e receba mensagens do seu inconsciente através dos sonhos.

Além disso, pessoas que normalmente não lembram dos sonhos podem começar a recordar e ter insights importantes durante o sono.

14. Depressão

Uma reação possível à meditação é ter um momento de depressão após um processo mais intenso. 

Justamente por entrar em contato com aspectos mais dolorosos, meditar pode trazer sentimentos de solidão, vazio, luto, saudade e muito mais.

Mas não se preocupe, essa é uma reação passageira. Caso você perceba que quadro depressivo não está indo embora, é importante procurar um auxílio terapêutico.

15. Desmotivação

Um desdobramento do tópico anterior é passar por um momento de desmotivação. O vazio provocado pela liberação de algumas emoções pode deixar tudo sem significado, momentaneamente.  

Lembre-se que, apesar desse processo ser doloroso, ele é a transição para um novo significado da vida e de você mesmo.

16. Mudança de paradigma

O processo de ressignificação se dá através de mudanças profundas de paradigma. Essas mudanças, por sua vez, se dão por movimentos profundos de encarar a si mesmo.

É preciso encarar as suas dualidades, contradições, crenças, seus erros e, por fim, encarar a realidade como ela é, ao invés das fantasias que criamos.

É uma quebra de paradigma que pode ser dolorosa e difícil de encarar. Mas são processos necessários para que o novo surja genuinamente dentro de nós.

leitura mapa numerológico

Alterações Energéticas

Agora, vamos falar dos efeitos negativos energéticos mais intensos que a meditação pode causar.

Quando trabalhamos o nosso campo energético, intensificamos a nossa percepção. Esse ponto pode ser bem prazeroso como pode ser também bem delicado.

17. Aumento da percepção

Percepções e sensações que você nunca teve antes, ou não percebia, podem começar a acontecer depois de começar a meditar.

Você pode perceber o seu campo energético de uma forma completamente nova, o que te leva a sentir as mínimas alterações energéticas dentro e fora de você.

Além disso, você pode começar a perceber também o campo energético das pessoas e dos ambientes a sua volta.

18. Despertar da kundalini

A meditação pode levar ao despertar da kundalini, que é a energia vital que fica concentrada no início da coluna.

Esse despertar pode ser assustador e ao mesmo tempo prazeroso. É uma energia intensa que percorre todo o seu corpo, de maneira involuntária, fazendo o seu corpo inteiro vibrar intensamente.

19. Se sentir fora do tempo

Um dos efeitos negativos mais comuns da meditação é a sensação de mudança na percepção do tempo. Você pode perceber o tempo parar ou passar muito devagar!

Ao meditar por 15 minutos, pode ser que você tenha impressão de que ficou horas meditando, de tantas coisas que passaram por você nesse curto intervalo de tempo.

O oposto também acontece, com a sensação do tempo passar muito rápido. Você pisca o olho e 1 hora de meditação se passou! Essa sensação pode vir tanto por você entrar em um transe profundo ou por você dormir durante o processo.

20. Se sentir fora do espaço

Pode acontecer também, durante a meditação, a sensação de estar em outro ambiente, em outra época.

Mesmo de olho fechado, vem até você uma sensação real de estar em outro local, com outras pessoas à sua volta.

21. Abertura do terceiro olho

A abertura do terceiro olho é efeito colateral da meditação que acontece com pessoas que já tem uma sensibilidade e uma abertura mediúnica maior. 

É como se uma tela mental se abrisse em sua mente e você começa a ver nitidamente as cenas, com um hiper-realismo e riqueza de detalhes.

Abrir o terceiro olho pode ser assustador, mas é também uma experiência única e incrível.

22. Mais efeitos negativos da meditação: ver coisas

A abertura do terceiro olho pode levar você a ver objetos, seres, vultos e entidades que fazem parte da dimensão espiritual. 

Como as outras experiências, essa também pode ser um pouco assustadora. Caso aconteça com você, é importante procurar pessoas e grupos com mais experiência para te auxiliar nesse processo.

23. Ouvir vozes

Uma das reverberações da abertura mediúnica, causada pela meditação, é a clariaudição. 

Isso é, realmente, ouvir vozes em sua mente. É igual a ouvir alguém falando com você, com a peculiaridade de ser algo que acontece na sua mente!

24. Perturbações noturnas

Já comentamos anteriormente que ter sonhos mais intensos é uma das reações adversas da meditação.  

Além disso, é comum também ter perturbações noturnas, como sonhos estranhos e pesadelos.

É possível também que você faça uma projeção astral, o que pode ser uma experiência assustadora nas primeiras vezes.

25. Noite Escura da Alma

A Noite Escura da Alma é um período de confusão, tristeza e angústia que acontece durante a evolução espiritual.

Trata-se de um momento em que é preciso olhar para a escuridão dentro de nós e ressignificá-la.

Como a meditação nos ajuda a desenvolver a espiritualidade, pode ser que ela desencadeie esse processo.

Efeitos Sociais

Até agora, falamos dos efeitos colaterais da meditação em nosso interior. Agora, vamos falar dos efeitos para fora!

Confira as reações adversas sociais da meditação.

26. Se sentir a ovelha negra da família

Passar por processos profundos de autoconhecimento não é algo comum na sociedade. Assim, acabamos saindo do padrão social e você pode se sentir mal por ser diferente.

Mas lembre-se de que isso é uma ilusão do ego. Somos todos diferentes, cada pessoa com suas crenças e limitações.

27. Arrogância por se achar superior

Quando você tem uma percepção mais profunda da realidade e não trabalhou o ego, você pode se sentir melhor que os outros.

Algo que acontece com algumas pessoas é se sentir superior por estar em uma prática mais profunda. Assim, ela começa a julgar os demais e classificar as pessoas que não meditam como inconscientes.

Porém, é importante notar que isso é uma ilusão! Ninguém é melhor do que o outro por praticar a meditação.

28. O último dos efeitos negativos da meditação: Querer mudar de amigos e grupos sociais

Uma outra consequência social da meditação é uma tendência a mudar de grupos sociais. 

Isso tem o seu lado positivo, por você se permitir vivenciar coisas diferentes e conhecer novas pessoas. 

Porém, o efeito negativo dessa atitude é buscar novos grupos porque, no fundo, está julgando os seus grupos e amigos antigos (como comentado no tópico anterior).

Outro efeito negativo de querer mudar de grupos sociais se dá por conta da necessidade humana de se sentir pertencente e acolhido. Quando estamos em um momento mais frágil, essa necessidade fica ainda maior e alguns riscos aparecem.

Principalmente quando entramos em um campo que tange a espiritualidade, como a meditação, há diversos grupos e mestres que acabam usando esse momento frágil para manipular as pessoas.

Lembre-se: buscar novos grupos é algo muito bom! Porém, isso deve ser feito pelo motivo certo.

jornada do autoconhecimento

O que fazer quando os efeitos negativos da meditação acontecem?

Com tantas reações adversas da meditação, fica até um pouco assustador começar a praticar, né?

Mas não se preocupe, com alguns cuidados e dicas, você pode passar pelo processo meditativo com clareza e tranquilidade:

  • A primeira observação é que os efeitos negativos da meditação, por mais ruins que possam ser, são passageiros. O importante é você estar sempre bem consciente e perceber o seu processo.
  • Outro fato importante a ser notado é que quando você sabe as possíveis reações da meditação, você não fica assustado caso alguma delas ocorra. Conhecer essas reações nos ajuda a manter a calma e saber que não há nada maluco acontecendo com você.
  • Caso você experiencie alguns dos efeitos negativos da meditação, a dica é manter a calma e usar a própria meditação para lidar com essas questões, para promover um equilíbrio interior.
  • Muitas dessas coisas que vemos são criações da nossa própria mente. Por isso, se respeite e se observe. Trate a você com amorosidade, acolhimento e gentileza!

Uma opção é sempre parar de meditar se sentir que está causando reações que você não quer lidar no momento. Mas é importante perceber o porquê e fazer as escolhas com consciência.

Aprofundamento com a meditação terapêutica

Caso você tenha alguma reverberação mais intensa do processo, recomendo aprofundar na questão pois assim é possível liberar e se sentir mais livre.

Isso pode ser feito individualmente ou com um acompanhamento terapêutico. Entre em contato comigo se você sentir necessidade de conversar sobre o seu processo.

Indico também o meu curso jornada do autoconhecimento emocional para compreender melhor os seus processos emocionais com a meditação terapêutica, além de outras técnicas.

Você já sentiu algum efeito negativo da meditação que não foi comentado no texto? Compartilhe nos comentários para ampliarmos essa lista!

Seguimos em conexão!

bjsss

Isah

Compartilhe:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Conheça os cursos e eventos disponíveis:

Receba gratuitamente as atualizações do blog!

Artigos, dicas e vídeos sobre autoconhecimento, inteligência emocional, meditação, processos terapêuticos e numerologia.

Você vai gostar de ler também:

holoh terapia

Conheça a Holoh Terapia

A Holoh Terapia é uma abordagem terapêutica para lidar com os desafios emocionais. É um processo de autoconhecimento e transformação da sua realidade. Atua na origem dos traumas, dos

Leia o texto completo »